Das Feiras e Dos Encontros

ps1.jpg

Uma das infinitas coisas que buscamos encontrar em nossa jornada é a sensação de pertencimento, que significa acreditar estar no caminho certo. O café trouxe e traz esse sentimento todos os dias.

Sabemos que certo e errado são conceitos amplos e individuais, e assim, devem ser respeitados e compreendidos.

            O tempo das coisas também é relativo e as respostas que buscamos às vezes chegam mais rápidas para uns que para outros, e têm aqueles que se preocupam mais com as perguntas do que de fato com as certezas. E está tudo bem.

            Foi assim que, na busca por algo que trouxesse satisfação e possibilidade de impactar positivamente a vida das pessoas que surgiu a ideia, hoje materializada, da Aequitas.

oOj7YkHg.jpeg

            Acreditamos que o trabalho faz sentido quando tem em si um propósito: prosperar junto. A alegria é muito maior quando se espalha, e como já ensinava BUDA:

“Milhares de velas podem ser acesas de uma única vela e a vida da vela não será encurtada. Felicidade nunca diminui ao ser compartilhada.”

Coffee Buddha  is a photograph by Falko Follert which was uploaded on December 31st, 2012.

Coffee Buddha is a photograph by Falko Follert which was uploaded on December 31st, 2012.

            Foi com esse Norte, de equilíbrio e valoração das relações que embarcamos rumo a um sonho empresarial que prezasse o produto tanto quanto a história e os atores, principalmente os invisíveis.

Dar voz e visibilidade àqueles que não aparecem por motivos óbvios de mercado, permite conectar todos os setores da cadeia do café, sem pular ninguém – do produtor ao consumidor.

            Sabemos que uma relação justa e equilibrada, não é aquela de igual para igual, pois assim não se conseguiria chegar a uma balança equilibrada, já que somos todos diferentes, seja de capacidade física/financeira/psicológica ou intelectual.  O mundo é visto por diferentes olhos e olhares.

            Podemos encontrar conceitos de justiça e equidade muito bem esclarecidos por Aristóteles:  

igualdade é tratar igualmente os iguais e desigualmente os desiguais, na medida de sua desigualdade.
Image from Wikipedia. Busto de Aristóteles. Cópia romana de uma escultura de  Lísipo

Image from Wikipedia. Busto de Aristóteles. Cópia romana de uma escultura de Lísipo

            Todo esse apanhado para dizer que foi nas feiras que desbravamos o que hoje fazemos: fazer com que produtos e histórias circulem pelo mundo. É facilitar e possibilitar que o café produzido no interior tenha a magia de fazer alguém feliz aqui, e também lá fora.

            As feiras promovem esse contato de países, produtos, conhecimentos e o mais importante: conectam pessoas. Todos os encontros possibilitam trocas diversas e é enriquecedor participar de cada evento.

            Sempre temos algo a aprender e a ensinar, e é com esse intuito que procuramos estar presentes nos movimentos do café, os grandes e os pequenos, pois se é da união que vem a força, cá estamos.

            Gratidão por cada troca que nos faz ter a certeza de estar fazendo a coisa certa.

kladT-mw.jpeg